• Maringá: (44) 3029-1162

  • Dourados: (67) 3033-8862

Pensamento Crítico: Conceitos, Como estimular? Como aplicar?

O pensamento crítico é considerado uma das habilidades mais importantes para o trabalho, sendo desejado por dez entre dez gestores de empresas. Obviamente que o conceito não se limita ao universo corporativo e a ideia de pensar criticamente pode e deve ser usada em todos os momentos da vida.

Neste artigo iremos conhecer o conceito de pensamento crítico, como ele é importante para crescermos como seres humanos e como profissionais e também responderemos às questões: como estimular o pensamento crítico? E como aplicar o pensamento crítico no seu dia a dia?

Pensamento crítico

    

Um dos pilares do ensino filosófico, o pensamento crítico pode ser entendido como a nossa capacidade de realizar julgamentos e emitir opiniões tendo como base uma consciência clara e plural do mundo e das coisas. 

O filósofo René Descartes certa vez disse: “penso, logo existo”. O pensamento é condição para a nossa existência e o pensamento crítico é a condição para que as nossas ações, julgamentos e opiniões sejam feitas de modo coerente, lógico, claro ou consciente.

Assim, pensar criticamente é uma habilidade necessária e desejada no mundo como um todo, mas que também se mostra extremamente importante no universo corporativo.

Um profissional que consegue absorver informações plurais e construir a sua linha de raciocínio e a sua linha de conduta a partir da reunião de tudo que ele recebe tem muito mais chances de ser bem sucedido na sua função, na sua profissão e na sua vida.

Assim, pensar criticamente é:

  • Buscar informações de fontes plurais;
  • Absorver conhecimento, mas nunca reproduzi-lo automaticamente;
  • Saber filtrar as opiniões que os outros emitem sobre os temas do mundo, do trabalho e da vida;
  • Entender a lógica de suas ações e de suas opiniões. Ela precisa ser clara e coerente, não para você somente, mas para todos que irão te ouvir;
  • Responder sempre a questão: Por que estou fazendo ou dizendo isso? 
  • Nunca receber afirmações e opiniões como verdades absolutas;
  • Sempre desconfiar de informações até que seja feita uma checagem plural dos fatos;

Como pensar criticamente?


Mas quais seriam os pré-requisitos para se pensar criticamente? 

Nós, seres humanos, desenvolvemos bem rapidamente a capacidade de pensar, já que ela é a condição para existirmos. Porém, pensar criticamente é resultado de toda a sua bagagem de vida. Assim, é muito mais coerente exigirmos de alguém adulto essa capacidade reflexiva que de uma criança que ainda não viveu o suficiente para criar essa bagagem necessária.

E o que seria esta bagagem:

  • Leitura;
  • Observação;
  • Experiência de vida.

Leitura 

Uma das melhores fontes de conhecimento é a leitura. O conhecimento literário e filosófico consegue oferecer uma base mais que suficiente para que você consiga refletir sobre o mundo e sobre as coisas. 

Ler, ler e ler é a chave para agregar conhecimento e bagagem para desenvolver o pensamento crítico.

Observação

Observar atentamente tudo que acontece à sua volta é uma das características que te levarão a ter pensamento crítico sobre as coisas do mundo. 

Observe e reflita as ações de terceiros, seja de seu colega de trabalho, de seu chefe, dos líderes que já passaram pela sua vida. Observar ações e opiniões te oferece uma bagagem importante para que as suas ações e opiniões sejam bem construídas.


Experiências de vida

É indiscutível que a sua bagagem de conhecimento vai aumentar à medida que você vai vivendo experiências, novas, boas e ruins. 

Assim, nada melhor que a vida para te proporcionar uma bagagem para que você pense, opine e aja de modo crítico. Sempre busque tirar lições de suas experiências de vida, as boas e as não tão boas. 

Todas elas podem te oferecer uma bagagem importante para a continuidade de sua vida pessoal, familiar e profissional.

Qual a importância do pensamento crítico?


No mundo corporativo já é passado aquela ideia de que trabalhadores devem somente cumprir as suas funções, tal como um robô. O pensamento atual é a de que colaboradores podem e devem contribuir para o processo de crescimento da empresa, e por consequência o seu processo de evolução também é afetado positivamente.

Assim, o pensamento crítico passa a ser uma habilidade extremamente importante para que profissionais tomem decisões coerentes, conscientes e lógicas, e para que as pessoas consigam opinar, refletir, construir linhas de raciocínio e oferecer contribuições para outras pessoas bem como para empresas.

Então o pensar criticamente é importante para construir cidadãos conscientes e que conseguem agir de maneira autônoma e para construir profissionais pensantes, que entendam as coisas do mundo e saibam agir nas mais diversas situações da vida.  

Assim, o pensamento crítico é importante por alguns desses motivos:

  • Auxilia em tomadas de decisões e na emissão de opiniões;
  • Amplia a sua visão de mundo e das coisas;
  • Fornece base para que seus argumentos sejam ouvidos, respeitados e seguidos;
  • Diferencia você de outros profissionais dentro de um mercado de trabalho cada vez mais exigente;
  • Fornece base para resoluções de problemas através de uma leitura de mundo rica, plural e produtiva;
  •  Amplia a sua bagagem teórica através de leitura e estudo;
  • Amplia o seu vocabulário argumentativo, facilitando o processo de entendimento das pessoas às coisas que você fala e afirma.

Como estimular o pensamento crítico?


O processo de estímulo de pensamento crítico deve começar desde cedo, pois o quanto antes você entender que pensar de maneira crítica vai te fornecer uma base para que você seja livre, independente e tenha autonomia sobre a sua vida e as suas ações, mais fácil será a tua capacidade de construir o pensar criticamente em você.

O processo de estímulo ao pensar crítico acontece através de ações como estas:


Incentivo a leitura de livros didáticos, literários e filosóficos,

  • Incentivo a receber informações de várias fontes e de pessoas plurais. Se você só escutar pessoas que pensam de uma maneira igual, então dificilmente você conseguirá refletir sobre o contraditório;
  • Desconfie de tudo que te chega como verdade absoluta. Informações podem ser checadas, opiniões podem ser questionadas e afirmações podem ser refutadas. Sempre reflita sobre tudo que vê ou que ouve, e antes de emitir a sua opinião busque em sua bagagem de conhecimento elementos que te darão base para uma opinião ou ação consciente;
  • Avalie sempre os pontos de vistas diferentes; no seu trabalho você sempre vai se deparar com pessoas com perspectivas diferentes de vida, de um trabalho específico ou de estratégias comerciais, dentre outros exemplos. Busque reunir as perspectivas diferentes e a partir daí construa a sua;
  • Dialogue muito. A conversa é a mãe do conhecimento. Você só vai aprender sobre o mundo e sobre as coisas da vida se trocar informações e opiniões com as pessoas, do seu trabalho e de seu entorno. Converse, observe como seus amigos opinam, observe como seu chefe dá ordens, ou como os gestores se comunicam com os colaboradores. Crie uma base contínua de conhecimento através das conversas que realiza no seu dia a dia;
  • Antecipe problemas ou erros que uma opinião ou ação poderá acarretar na empresa, ou na vida. O pensamento crítico tem como qualidade essa capacidade de pensar o futuro de acordo com ações e opiniões do presente. Busque sempre antecipar os resultados de uma ação, ou antecipar as implicações que uma opinião poderá ter no ambiente de trabalho ou nas redes sociais, por exemplo.

Como aplicar o pensamento crítico?


Existem diversas maneiras de se aplicar o pensamento crítico na sua vida ou na sua rotina de trabalho. Logo de imediato, podemos voltar à frase do filósofo Descartes: penso, logo existo. Entenda que pensar é existir, então alimente essa capacidade de pensar as coisas todo o santo dia de sua vida.

Além disso, há ótimas sugestões para você que quer aplicar o pensar criticamente no seu dia a dia:

  • Quem disse isso? Uma das maneiras mais fáceis e ricas de se aplicar o pensamento crítico é saber exatamente como aquela informação ou conhecimento chegou até você. Vivemos num mundo onde as chamadas fake news (notícias falsas) proliferam, e se torna muito importante você saber as fontes das informações que você recebe; 
  • Cadê o contraditório? Buscar diferentes perspectivas para um fato ou informação é básico para ampliar seu conhecimento crítico das coisas. Quanto mais opiniões diferentes, mais elementos você terá para construir as suas opiniões de modo rico, lógico, consciente e autônomo. Se prender a uma pessoa, a uma rede de televisão, a um jornal, vai limitar sobremaneira a sua capacidade de refletir de modo mais rico sobre um tema, sobre um problema ou sobre uma estratégia de negócios;
  • Construa a sua linha de raciocínio – Sempre quando for opinar, afirmar algo ou agir, faça tendo em vista uma construção lógica de ideias, de fatos, de informações e de tudo que possa te auxiliar. Deixe as pessoas entenderem claramente o que você está afirmando, opinando ou fazendo. Nunca seja ambíguo e sempre se busque entender.
  • Tenha inteligência emocional – o ser crítico muitas vezes é confundido com o ser racional. Não está de todo errado, já que muitas das vezes as emoções afloradas acabam prejudicando as suas ações, os seus pensamentos, as suas opiniões e afirmações. Assim, busque sempre ter foco e inteligência emocional. Use as suas emoções de forma produtiva, para te favorecer, e não para te prejudicar.

Conclusão

Vimos aqui o quão importante é para o ser humano a capacidade de pensar criticamente. O pensamento crítico diferencia os profissionais e as pessoas, criando um abismo entre os que desenvolvem esta habilidade e os que não desenvolvem.

Seja no trabalho, seja na sua vida, busque sempre construir uma bagagem rica e plural, que irá te auxiliar muito nas suas decisões e te fará uma pessoa muito mais consciente de seu lugar no mundo, no trabalho, e na vida.

E você, como trabalha o pensamento crítico em sua vida?

Leia outros conteúdos como este em nosso blog!

Compartilhe:

Posts Relacionados

Ver Categoria >