• Maringá: (44) 3029-1162

  • Dourados: (67) 3033-8862

Gestão do conhecimento: O que é? Qual sua importância? Como aplicar?

O sucesso de uma empresa depende de muitos fatores, alguns mais óbvios, como investimentos, produtos ou serviços de qualidade e bons vendedores. Outros, mais estratégicos e profundos, garantem a sustentabilidade e longevidade da empresa no mercado. Ter uma eficiente gestão do conhecimento é um destes fatores que solidificam a base para que um negócio cresça e se desenvolva de forma contínua.

Neste guia entenderemos o significado da gestão do conhecimento, qual a importância dela nas organizações, quais são os seus benefícios e principalmente, como a sua empresa pode aplicar esta série de ações que carregam em si uma otimização sobremaneira do capital intelectual de uma corporação.

Se você tem uma empresa e quer saber como organizá-la para que a sua linha produtiva e a sua equipe funcionem com potência máxima, auxiliando os gestores em tomadas sábias e eficientes de decisões, então não desgrude deste guia.  


O que é gestão do conhecimento?



A gestão do conhecimento é uma série de ações e planejamento que visam se utilizar de dados e informações para gerar conhecimento que auxilie gestores nas tomadas de decisões e na gestão do capital intelectual individual de seus colaboradores, transformando em política coletiva e corporativa de ações inteligentes para que sábias tomadas de decisões sejam sempre tomadas dentro de uma empresa..

Sua função dentro de uma empresa é apoiar, compartilhar e aplicar técnicas e ações para aprimorar um dos maiores bens que uma corporação possui e que é o seu quadro humano, e toda a capacidade intelectual que nele reside.

A gestão do conhecimento deve ser desenvolvida e aprimorada para que uma empresa nunca dependa de um grupo limitado de colaboradores para crescer como negócio, para ganhar produtividade ou para aplicar as melhores práticas de produção, de comunicação e de vendas. 

Conhecimento, informações e dados



Para ampliar o entendimento sobre gestão do conhecimento, é necessário que você perceba que a palavra conhecimento tem um significado diferente de informações ou de dados. Elas se parecem, e de fato até se complementam, mas são diferentes.

  • Dados são fatos brutos, registros. 

  • Informações são coleções de dados organizados de uma forma que eles possuam valor, significado e façam sentido. São dados dentro de um contexto.

  • Já o conhecimento são informações organizadas para a tomada de decisão. São informações com um propósito.

Assim, a gestão de conhecimento se faz através do uso de dados e de informações, mas com a diferença que ela precisa possuir propósitos, que dentro no mundo corporativo carrega uma importância muito grande, que é fazer uma empresa crescer, se desenvolver, produzir, otimizar seus recursos, aperfeiçoar seu quadro de colaboradores e melhorar todas as dinâmicas possíveis que levarão ela para o sucesso, ou que manterão ela com competitividade no mercado.

Qual sua importância da gestão do conhecimento nas empresas 



Logo que definimos a gestão do conhecimento dentro de uma corporação, conseguimos entender alguns motivos que fazem tal prática ser muito importante para empresas.

A gestão do conhecimento potencializa ações inteligentes e o chamado know how adquirido por todos os seus colaboradores, transformando em ações sistemáticas e planejamentos estratégicos que tendem a oferecer possibilidades para seu negócio crescer, ganhar produtividade e competitividade e ainda se diferenciar no mercado.

A gestão do conhecimento, se feita de forma eficiente, aprimora, moderniza e padroniza processos dentro do ambiente de trabalho, além de aperfeiçoar todas as ações e práticas de sua equipe de colaboradores.

Assim ela possui uma importância estratégica dentro de uma organização, criando uma base para que tomadas de decisões sejam feitas de forma eficiente e inteligente, para que práticas de trabalho sejam potencializadas ao máximo e para que uma cultura da inovação, pilar de uma gestão do conhecimento, seja implantada e desenvolvida dentro do ambiente de trabalho.

Perceba então que uma gestão do conhecimento eficiente transforma a sua empresa em um espaço inteligente de otimização contínua de recursos, financeiros, estruturais, logísticos, e principalmente, intelectuais. Há uma sábia afirmação que diz que conhecimento é poder. De fato, quanto mais conhecimento uma corporação obtiver, e usar, mais poderosa ela tende a ser.

Assim, a gestão do conhecimento é importante para uma empresa:

  • Porque garante uma maior produtividade. Não há dúvidas que uma gestão eficiente, inteligente e que use com sabedoria os recursos disponíveis, não cometerá erros por duas vezes seguidas, saberá sempre otimizar os recursos, padronizar ações e estratégias de trabalho, entenderá o papel de cada colaborador, melhorando suas condições de trabalho, e ainda oferecerá um ambiente de trabalho saudável, proporcionando aumento de produção e melhora das relações interpessoais;

  • Porque incentiva dentro da empresa a cultura da inovação, que é um dos fatores que transforma empresas em grandes potências. Saber inovar - seja através de seus produtos, de seus serviços, de suas dinâmicas de trabalho, ou de processos logísticos, tecnológicos ou administrativos, fará de seu negócio um pólo sustentável que sobreviverá por muito tempo a todos os obstáculos oferecidos no dia a dia;

  • Porque complementa e aperfeiçoa a cultura organizacional dentro de uma empresa. Possuir, incentivar e compartilhar conhecimentos dentro do ambiente de trabalho acarreta em equipes cada vez mais capacitadas, que promovem cada vez mais técnicas de gestão e de produção mais inteligentes, favorecendo a criação de todo um sistema de incentivo ao conhecimento, a troca de informações estratégicas e ao compartilhamento intelectual, fundamentais para um negócio prosperar;

  • Porque simplesmente valoriza o conhecimento. Uma empresa que tem como missão interna valorizar o conhecimento, certamente está valorizando o principal ativo de uma corporação, que é o seu capital intelectual. Trabalhar diferenciais de mercado recai em muitas vezes a prática de uma dinâmica de valorização do conhecimento de toda a sua equipe, desde o colaborador até os gestores e líderes.

Como complemento, a gestão do conhecimento também proporciona:

  • Maior competitividade;

  • Maior agilidade para as equipes, melhorando a qualidade dos produtos e serviços;

  • Ações mais planejadas e valorizadas;

  • Equipes mais unidas através de uma cultura que promove o compartilhamento de conhecimento;

  • Redução de custos, com melhores estratégias de produção e gestão de recursos;

  • Redução no tempo de produção. 

Pilares da gestão do conhecimento



A gestão do conhecimento dentro de uma empresa funciona com a presença de alguns princípios fundamentais:   

Educação corporativa

Quando falamos em educação dentro do ambiente corporativo, logo pensamos em uma série de treinamentos e capacitações de colaboradores. De fato, essa é uma boa base, mas ela é insuficiente para  que empresas criem estratégias de produção e de gestão mais sólidas, confiáveis e duradouras.

A educação corporativa então é um aprimoramento desse sistema que envolve treinamentos e capacitações. Ela engloba uma cultura empresarial clara e um trabalho intenso de adequação dessa cultura na vida de cada um dos colaboradores da empresa. Este sistema gera naturalmente um engajamento muito maior dos funcionários, criando um ambiente de trabalho muito mais rico, gerando produtividade e melhorias estruturais e logísticas.

Gestão de Pessoas 

A gestão de pessoas tem um papel fundamental tanto para se construir uma educação corporativa quanto para se desenvolver uma eficiente gestão do conhecimento.

Afinal de contas, são as pessoas que são as responsáveis pela geração de conhecimento, e por colocar em prática todos os elementos que envolvem o conhecimento, como análise, planejamento, organização, reflexão, e alinhamento de conhecimento com a gestão empresarial.

Cabe à gestão de pessoas conhecer detalhadamente os potenciais de cada colaborador, para que assim consiga criar ambientes propícios para o desenvolvimento contínuo de suas habilidades, bem como transformar qualidades e habilidades individuais em programas coletivos de inteligência e de gestão do conhecimento.

Gestão de Processos

Criar e padronizar processos são benefícios bem importantes da gestão do conhecimento implantada dentro de um ambiente corporativo. 

Assim, é necessário que se crie uma gestão especializada em analisar e extrair os conhecimentos individuais de sua equipe de funcionários, para assim transformar inteligências individuais em processos corporativos inteligentes, que acarretam em maior eficiência para uma empresa.


Tecnologia

A tecnologia está intrinsecamente ligada à gestão do conhecimento, e falamos isso por conta de uma relação quase que necessária entre a tecnologia e a obtenção de novos conhecimentos. 

Vivemos em um contexto onde a tecnologia gera conhecimento diariamente, através de milhões de dados e informações novas, que são repassados automaticamente para as pessoas. Assim, é importante que haja um planejamento sobre o que fazer com tanto conhecimento que é gerado a partir de tecnologias existentes.


Como aplicar a gestão do conhecimento na sua empresa?



Aplicar a gestão do conhecimento na sua empresa é tarefa importante, e que demanda uma série de ações bem planejadas.

Diagnóstico

Comece diagnosticando todos os pontos que merecem análises, aprimoramentos, correções e melhorias. Busque conhecer seu quadro de colaboradores: quem eles são? Quais são os seus potenciais? Como se dá a comunicação entre eles? Há a cultura do compartilhamento de conhecimento entre a sua equipe? 

Busque entender detalhadamente todos os processos e dinâmicas dentro do ambiente de trabalho. Há uma organização dentro das atividades corporativas? Existe um ambiente propício para alimentar o conhecimento compartilhado? Há um ambiente saudável na empresa? 

Análise a cultura organizacional existente dentro da empresa e observe se ela está de acordo com a ideia de gestão do conhecimento. Se ela favorece as relações interpessoais, se ela incentiva a troca de conhecimento, se ela realiza ações que promovem o compartilhamento de informações entre os colaboradores.

Planejando ações estratégicas

A partir do momento que você conhece todos os pontos merecedores de melhorias, correções ou manutenção, chega o momento de você definir ações estratégicas que visam criar ou desenvolver de forma eficiente uma gestão do conhecimento na empresa. 

Identifique tudo o que a empresa precisa, depois faça um planejamento para preencher todas as brechas e defina os responsáveis por colocar em prática as ações que visam aperfeiçoar a atmosfera de troca de conhecimento entre a sua equipe.

Invista em treinamentos

Um dos investimentos que tende a dar mais resultado na cultura organizacional de uma empresa e no enriquecimento do capital intelectual é o investimento em treinamentos. Busque criar uma rotina de treinamentos e capacitações eficiente que proporcione a sua equipe de colaboradores um aumento significativo de conhecimento, que incentive a cultura organizacional, que otimize a produção e compartilhamento de ideias e que também gere um maior engajamento dos funcionários para com a empresa.

Uma eficiente dinâmica de treinamentos consegue oferecer estes resultados.

Estimule a comunicação entre seus colaboradores

Um ambiente rico em troca de conhecimento é aquele em que a equipe não corre o risco de ruídos de comunicação no dia a dia da empresa. 

Foque em um bom trabalho de comunicação, gerando sempre um ambiente saudável, sem brechas para situações estressantes e nocivas para a sua equipe. Uma boa comunicação é peça chave para um bom ambiente de gestão do conhecimento.

Testando na prática o planejado

Testar na prática tudo que foi planejado é a melhor forma de praticar uma boa gestão do conhecimento em sua empresa. 

Promova no dia a dia as ações pensadas para melhorar o ambiente de trabalho, para incentivar sua equipe na troca de conhecimento e para que este conhecimento seja sempre utilizado de forma produtiva no dia a dia da organização.

Monitore os resultados

Com a implementação das práticas que vão desenvolver a troca de conhecimento entre colaboradores e equipe, o passo seguinte e mais importante é o que diz respeito ao monitoramento. 

Através da análise contínua dos resultados que a empresa vai perceber as ações que deram resultados positivos, podendo assim potencializar ações, corrigir outras, e eliminar outras.


Conclusão

Criar e desenvolver uma gestão do conhecimento não é luxo e nem privilégio de grandes empresas. Você pode - e deve - desenvolver ações positivas para troca de conhecimento entre seus funcionários se quiser buscar um crescimento sustentável de seu negócio. 

Entender de gestão do conhecimento será um grande diferencial para a sua vida profissional a médio e longo prazo. Então se prepare e planeje.

Acesse outros artigos como este em nosso blog.


Compartilhe:

Posts Relacionados

Ver Categoria >