Whatsapp Icone
Fechar     X
  • Maringá - PR: (44) 3029 1162
  • Dourados - MS: (67) 3033 8862
  • FacebookLinkedInYouTubeInstagram
    Newsletter
    Cursos
    5minutos de leitura

    Conheça a Importância da Gestão em Saúde Pública

    Foto do autor
    Autor Trecsson

    Seja no sistema público ou privado, um gestor de saúde precisa estar apto a desenvolver várias atribuições importantes, que no final contribuem exclusivamente para a necessidade e satisfação dos usuários.

    Especialmente quando falamos em saúde pública, a preocupação é ainda maior, já que a demanda de atendimento cresce exponencialmente. Gerenciar gastos, materiais, processos e manter uma supervisão rigorosa de ações é essencial para contribuir com o desenvolvimento social e a qualidade de vida.

    Você verá a seguir o que é gestão de saúde pública e a importância de um bom gestor na área da saúde pública e verá também quais são as oportunidades de mercado para esta área de atuação. Confira!

    O que pensamos da saúde pública


    Quando falamos em saúde pública, a primeira imagem que pode vir à cabeça do brasileiro é a de hospitais cheios e com longas filas de espera. Porém, por mais que este seja um dos desafios que o país precisa aceitar para que assim melhore a qualidade dos atendimentos, devemos destacar que o programa de saúde pública no Brasil é o maior do mundo, integralmente gratuito e com abrangência no país inteiro.

    Gestão em saúde pública e a sua importância 


    A gestão em saúde pública tem como função administrar projetos e ações da área da saúde e no setor público. Os gestores dessa área têm como algumas de suas funções o gerenciamento de gastos, a organização de processos e a supervisão de todos os núcleos de colaboradores.   

    A gestão em saúde pública, independente do país, possui uma importância estratégica, pois dela dependem milhões de pessoas, carentes ou não. Por isso, para uma boa gestão, é necessário organização extrema, zelo pelo dinheiro público, otimização de tempo e produtividade, além de uma correta capacitação das equipes que fazem parte do sistema.

    Estes são alguns dos pré-requisitos necessários para uma boa gestão, que poderá assim, por exemplo, coordenar um grande programa nacional, estadual ou municipal de vacinação pública e gratuita, poderá programar um bom sistema de agendamento de consultas, ou buscar novas tecnologias para melhorar o desempenho, seja através de softwares, aplicativos, ou de banco de dados que visem aperfeiçoar o sistema.

    A gestão na área da saúde pública visa também buscar novas formas de financiamento, haja vista o subfinanciamento que existe no setor há décadas. Outra forma de boa gestão é conseguir modernizar as estruturas de saúde pública, defasadas no geral, otimizando a dinâmica de trabalho, a divisão de funções, a organização dos empreendimentos e capacitando cada vez mais as equipes envolvidas.

    Um bom programa de saúde pública traz como resultado uma população saudável, com acesso ao sistema, e com um atendimento digno e eficiente. O gestor de saúde pública carrega este princípio com ele desde o início dos estudos que realiza para se adequar às necessidades da área.

    O Perfil de Um Gestor de Saúde