• Maringá: (44) 3029-1162

  • Dourados: (67) 3033-8862

Liderança e gestão de pessoas: 5 desafios que impactam sua empresa

Quem já trabalha nessa área sabe que os desafios são diários. Na Gestão de Pessoas não é nada fácil lidar com a individualidade de cada colaborador. Além disso, é preciso ter uma visão ampla para compreender melhor quais são as principais necessidades e dificuldades, descobrir os potenciais e limitações de cada um.

Isso ajuda muito a alinhar as habilidades do pessoal aos objetivos mais importantes da empresa. Todavia, há boas práticas que podem ajudar um gestor a driblar conflitos e evitar vários problemas que esses desafios podem acarretar. Confira!

5 principais desafios da liderança e gestão de pessoas

1 ? Gestão de pessoas X RH

Você sabia que o verdadeiro responsável por gerir os colaboradores é o gestor/líder e não o setor de RH? Comumente vemos uma equipe de RH sobrecarregada, o que acaba trazendo certa ineficiência da Gestão de Pessoas. Sem uma gestão eficaz não há liderança.

A área de RH é puramente estratégica, ou seja, deve assumir atitudes proativas de planejamento e execução alinhados com os objetivos da empresa. Os gestores, portanto, devem apresentar proatividade em selecionar/reter talentos, motivar e identificar o real potencial de cada colaborador.

2 ? Falta de motivação dos colaboradores

Esse é um desafio constante que pode impactar na produtividade e alcance dos objetivos da empresa. É aqui que a Liderança deve estar em total parceria com a Gestão de Pessoas.

Faz parte do bom trabalho do líder, juntamente o CEO da empresa, determinar uma dinâmica organizacional que visa motivar toda a equipe. Aqui cabe ainda falarmos sobre a melhoria da cultura da empresa. É esse fator que irá ajudar a evitar problemas e situações desagradáveis que possam interferir no clima organizacional e ajudar a aumentar a motivação dos colaboradores.

Sendo assim, é preciso desenvolver ações que promovam maior interação entre colegas de trabalho, relações interpessoais, valorização do time, benefícios, definição de metas com recompensas, sem esquecer o estímulo de capacitação.

3 ? Aumento da produtividade sem humanização

Isso acontece bastante nas grandes empresas que precisam de muita produção para atingir resultados cada vez maiores. O erro está em exigir aumento de produtividade da equipe sem avaliar a qualidade de vida deles.

A busca incessante por aumento de produção e de eficiência sem tomar cuidado com o bem-estar do pessoal pode colocar a empresa ladeira abaixo. Para sanar esse desafio e evitar o desgaste da equipe é importante alinhar ações estratégicas de comunicação e, acima de tudo, oferecer condições de trabalho impecáveis.

Lembre-se: mais empatia para mais confiança e lealdade.

4 ? Prevenção de adversidades

Em todo tipo de negócio, a Gestão de Riscos sempre é o melhor caminho para evitar prejuízos e, neste caso, não é diferente. No entanto, aqui falamos mais na prevenção de problemas e no desenvolvimento de soluções.

Tenha em mente que se sua empresa simplesmente estagnar por conta de um problema de última hora, significa que não terá muita longevidade no mercado. Isso não é exagero. Toda equipe, principalmente em setores de produção, precisa estar preparada para adversidades que, na maioria das vezes, são inevitáveis.

Um bom líder é aquele que possui capacidade de transformar problemas em soluções, consegue prever adversidades e tranquilizar a equipe, clareando o caminho com ideias impulsionadoras.

5 ? Despreparo dos executivos para gerir o pessoal

Vamos colocar como exemplo o despreparado em caso de demissão. Há muitos cenários por aí em que o executivo chefe diz apenas para o colaborador falar com o RH e acaba ?empurrando? mais essa grande responsabilidade para o setor.

Ter habilidade, principalmente na hora de demitir, é um fator crucial que influencia diretamente na reputação da empresa. Nesse caso, o setor de RH estabelece políticas e procedimentos para auxiliar os gestores nesse processo, além de atuar como um conselheiro e garantir que as pessoas sejam tratadas com dignidade.

Esse é um dos exemplos de despreparo na Gestão de Pessoas. Contudo, vale ainda lembrar que toda a equipe, inclusive o gestor de pessoal, precisa passar por treinamentos constantes.

Aqui na Trecsson oferecemos o curso de MBA FGV sobre Liderança e Gestão de pessoas. Um curso completo que proporciona ao aluno conhecimentos avançados e uma gama de ferramentas para atuar de maneira eficaz na gestão do pessoal. Clique aqui para conferir mais informações!

Compartilhe:

Posts Relacionados

Ver Categoria >