Whatsapp Icone Atendimento Online
Perfil
Trecsson Online
Atendente está digitando...
Fechar     X
  • Maringá - PR: (44) 3029 1162
  • Dourados - MS: (67) 3033 8862
  • FacebookLinkedInYouTubeInstagram
    Newsletter
    Marketing
    7minutos de leitura

    Rebranding: Como Reviver Sua Marca

    Foto do autor
    Autor Felipe

    O mundo dos negócios não é nada fácil e empreender não é para qualqur um. Pesquisas revelam que cerca de 8 em cada 10 negócios acabam falhando antes dos 18 meses de atividade empresarial. Sobreviver nesse cenário exige mais do que um bom produto ou serviço, exige entre tantos outros fatores que a organização possua valores bem claros e comunique isso de forma consistente para seu público e colaboradores. Até empresas como a gigante da tecnologia Apple já estiveram com a corda no pescoço, próxima a falência e conseguiram se reerguer apenas tomando as decisões corretas. A marca de desodorantes Old Spice também esteve próxima ao fim, mas se salvou com o bom humor em campanhas de marketing que tornaram-se virais.

    Isso mostra que as empresas não possuem uma rota fixa a seguir, e com conhecimento é possível resgatar um negócio mesmo na margem do precipício. Uma das ferramentas fundamentais para isso é o rebranding, que visa uma mais precisa e adequada definição da visão e valores da marca, contando uma história inspiradora para os consumidores e colaboradores. Uma campanha de rebranding é muito mais do que melhorar o logotipo e alterar o slogan, é mudar a percepção do público sobre a marca, tornando-a relevante para determinado público. O Chief Marketing Officer, Keao Caindec, dá algumas dicas de como reviver sua marca. Caso ela esteja passando por maus bocados, o rebranding pode ser a saída. Confira!

    Avalie os pontos fortes e fracosPara avançar, as vezes é melhor dar um passo para trás e avaliar honestamente os pontos fortes e fracos da empresa. É vital entender o que faz o seu negócio diferente e melhor do que o da concorrência. Empresas que identificam e demonstram diferenciação irão comunicar melhor esse valor para o mercado.

    Reavalie o público-alvoRaramente uma empresa apresenta uma oferta que se encaixa perfeitamente ao seu segmento-alvo original. Pode ser necessário alterar o produto, ou a empresa pode ter como alvo o tipo errado de cliente. As empresas devem reavaliar mercados-alvo e clientes do segmento com base nas necessidades e exigências percebidas. Alinhar as necessidades do cliente com as capacidades da empresa é fundamental.

    Determine os benefícios do clienteApenas descrever as capacidades de um produto e identificar um mercado-alvo não é suficiente. As empresas devem gastar tempo e energia para entender como os clientes usarão o produto ou serviço. Que tipo de experiência irá encantar o cliente? Como eles vão descobrir a sua oferta? Como eles vão usá-la? Seja vendendo limonada na esquina ou um novo aparelho, é fundamental prever como os clientes interagem com a sua marca.

    Bole uma história convincenteComo líder de um negócio, os empresários estão frequentemente contando a história da empresa. É ainda mais importante documentar essa história para que os funcionários, parceiros e clientes possam contar a mesma história a seus conhecidos. Aproveite para identificar e documentar os aspectos mais importantes do produto e da marca, esses fatores que fazem a marca especial.

    Depoimentos seguros dos clientesOs melhores advogados para qualquer negócio são clientes satisfeitos. Gráficos e números não convencem um comprador cético. Gaste tempo com os clientes e peça-lhes um depoimento ou para serem objeto de um estudo de caso em vídeo ou até um comunicado de imprensa. Ter clientes dizendo ao mundo o quanto eles amam o seu produto é de valor inestimável.

    Obtenha funcionários a bordoUma vez que a história e visão da marca estão claramente definidas, é preciso comunicá-las aos trabalhadores. Forneça-lhes ferramentas simples que tornem mais fácil para eles para comunicar o que a marca faz. Mantenha simples. Quanto mais fácil para os funcionários contar a sua história, mais eles vão.

    Construa uma fábrica de conteúdoÉ impossível vender para todos os clientes da mesma forma. Hoje, os compradores são muitas vezes mais instruídos sobre os produtos que as próprias pessoas de vendas de uma empresa. Compradores técnicos são especialmente bem informados. O fornecimento de informações que os compradores queiram consumir em todas as fases do ciclo de vendas é fundamental. A melhor maneira de entregar conteúdo significativo é a criação de uma "fábrica de conteúdo". Os profissionais de marketing, atuantes dessa fábrica, precisam criar uma variedade de materiais de marketing, com diferentes conteúdos para diferentes públicos em diferentes canais.

    Comunique-se amplamenteTwitter, LinkedIn, Facebook e Amazon mudaram a experiência de compra. Atingir um público agora significa comunicar amplamente. Dê o primeiro passo e começe a construir seguidores, envolva-se em conversas sobre o que é importante para eles. Os clientes não querem apenas ouvir sobre os produtos o tempo todo, fale sobre outros temas que eles julgam importantes. Torne-se um líder de pensamento, uma fonte confiável de conteúdo.

    Seja consistenteReviver uma marca é muito mais sobre a consistência, do que sobre criatividade. Uma vez que a empresa define a marca e determina a forma de comunicá-la, o próximo passo é comunicar de forma consistente as mensagens-chave.

    Acredite no negócioA crença é contagiosa. Abrace a visão da empresa sobre marca e o mercado-alvo. Quanto mais comprometida a liderança com a visão da empresa, mais as pessoas vão acreditar na marca.

    Via https://smallbusiness.yahoo.com

    Compartilhar:

    Comentários

    Artigos Semelhantes

  • Marketing Estratégico: como aplicar o neuromarketing para alavancar vendas
    Marketing
    7 minutos de leitura

    Marketing Estratégico: como aplicar o neuromarketing para alavancar vendas

    Para otimizar recursos e atingir metas com eficiência, é essencial utilizar as práticas do Marketing Estratégico.

    Ler artigo
  • Entenda o que é o efeito de ancoragem
    Marketing
    5 minutos de leitura

    Entenda o que é o efeito de ancoragem

    Esse efeito indica a dificuldade que as pessoas têm de deixar essa ideia de lado e acabam por fazer uma única e determinante avaliação

    Ler artigo
  • Marketing digital é laboratório em ebulição, diz Vítor Lima
    Marketing
    4 minutos de leitura

    Marketing digital é laboratório em ebulição, diz Vítor Lima

    Confira como foi a palestra de Vitor Lima sobre Marketing Digital e o comportamento do consumidor.

    Ler artigo
  • Analista de Mídias Digitais é Um Dos Cargos Mais Procurados do Mercado
    Marketing
    4 minutos de leitura

    Analista de Mídias Digitais é Um Dos Cargos Mais Procurados do Mercado

    O cargo de Analista de Mídias Digitais é o mais escasso com cerca de 70% de vagas aguardando profissionais qualificados.

    Ler artigo
  • Marketing de Conteúdo: Terceirizar ou montar uma equipe?
    Marketing
    5 minutos de leitura

    Marketing de Conteúdo: Terceirizar ou montar uma equipe?

    Veja uma superficial simulação do custo para contratar uma equipe de marketing de conteúdo para sua empresa!

    Ler artigo
  • Como vender para quem você conhece
    Marketing
    4 minutos de leitura

    Como vender para quem você conhece

    A estrategista de marketing, Dorie Clark dá três dicas estratégicas de como vender para quem você conhece. Confira!

    Ler artigo
  • Ver todos os artigos