• Maringá: (44) 3029-1162

  • Dourados: (67) 3033-8862

O que é Valuation? Como fazer? Exemplos práticos para calcular

Para você que tem uma empresa, seja de pequeno, médio ou grande porte, é fundamental ter uma noção exata de quanto ela vale, ou melhor, saber qual o valuation que ela possui. Ter um negócio e não saber qual o seu valor de mercado vai acabar limitando o seu crescimento, o aporte de investimentos externos e a possível entrada de novos sócios. 

Mas como calcular o valor de sua empresa? 

Neste artigo vamos te mostrar o que é valuation, e como fazer o cálculo para descobrir qual o valor de mercado que o seu negócio possui. Vamos te oferecer também exemplos práticos de cálculos de valuation.

O que é Valuation?


Se focarmos na tradução mais livre, valuation vem da palavra value, que significa valor. Portanto já dá pra definir que a ideia de valuation está atrelada ao valor. No âmbito corporativo o termo valuation significa valoração de empresas, ou seja, é o processo usado para se avaliar o valor de uma empresa no mercado. 

É muito comum também se utilizar o valuation para indicar, não somente o processo de avaliação da empresa, mas o próprio valor em si da empresa. 

Assim, o valuation pode ser entendido:

  1. Como o processo de avaliação do valor de uma empresa no mercado ou

  2. O próprio valor de mercado que uma empresa possui.

Vamos entender aqui no artigo que determinar o valor de um negócio não é tarefa das mais simples, porque não envolve somente calcular o patrimônio ou o que entra de receitas. O valor de uma empresa está muitas vezes atrelado a elementos mais simbólicos, como a percepção que o consumidor tem da marca, por exemplo.

Benefícios de calcular a valuation de seu negócio


Calcular o valuation de sua empresa te traz alguns benefícios como:

  • Identificar todas as características que sua empresa possui que gera valor e que por consequência auxilia no cálculo do valuation;
  • Entender mais exatamente quanto pode ser investido na empresa e como seria a divisão de cotas de investimentos para novos sócios ou investidores;
  • Ter clareza sobre todos os aspectos que estão atrapalhando o desenvolvimento de sua empresa e que estão prejudicando o valor de mercado de seu negócio;
  •  Saber qual será a tendência de crescimento de seu negócio ao longo dos anos;
  •  Buscar acordos reais e justos com investidores e novos sócios. Negociar com valuation incorreto, fora da realidade ou com dados errados só tende a prejudicar o próprio crescimento dela. 

Como fazer o cálculo de valuation?


Você que é empreendedor já entendeu o que é valuation e já percebeu a importância de fazer uma para o seu negócio, seja conseguir investimentos, entrada de sócios ou gerar uma maior tranquilidade administrativa.

Agora falta saber como se calcula o valuation.

Para esta resposta ser completa, vamos precisar listar uma série de possibilidades de cálculo, e cada uma destas possibilidades vai acabar atendendo melhor um modelo de negócio específico. Então é preciso que você saiba exatamente qual o seu modelo de negócio e em qual tipo de cálculo ele se enquadra, para que você não acabe gerando um falso valor de mercado, e perca além de investimentos, credibilidade.

Comecei a minha empresa agora, já posso fazer o valuation?

Antes de continuar explicando o cálculo do valuation de uma empresa, é importante destacar que mesmo uma empresa nova, ou ainda, uma empresa que sequer entrou no mercado, pode gerar um valuation. Óbvio que não vai ser através da entrada de receitas ou do fluxo de caixa, que vamos chegar ao valor de mercado da empresa. 

Mas é necessário dizer que também é importante que empresas novas cheguem ao mercado apresentando o seu valuation aos futuros sócios, investidores ou pessoas estratégicas.

Principais métodos para se calcular a valuation de uma empresa

Existem alguns métodos para se avaliar o valuation de uma empresa, e vamos citar alguns dos mais utilizados.

Valor patrimonial

Esse é o método de valuation mais simples que você pode fazer, mas não é recomendável que ele seja o único, porque ele tende a gerar algumas distorções no valor final de sua empresa.

Para este método você vai precisar avaliar os ativos e passivos de seu negócio. A diferença entre esses dois vai ser justamente o valor de mercado de sua empresa. Para realizar esse valuation o ideal é que você faça um balanço patrimonial, e aí será necessário o auxílio de um contador. 

O contador será responsável por levantar todos os seus ativos e depois todos os seus passivos. Basta então você diminuir o seu passivo do seu ativo que você chegará ao seu patrimônio líquido. 

Nesta técnica de valuation o valor do seu patrimônio líquido é igual ao valuation de seu negócio. O ponto negativo é que esta análise não observa a geração de caixa, apenas os ativos e passivos da empresa, e não considera, por exemplo, a capacidade que a empresa possui em atrair novos clientes e aumentar as vendas. 

É uma análise superficial que é recomendável para empresas mais estagnadas, sem perspectivas de crescimento.

Fluxo de caixa descontado

FCD é a técnica mais utilizada para avaliar o valuation de empresas. Vamos a lógica deste método: O FCD busca analisar a rentabilidade futura de um negócio que estima qual o valor real da empresa. 

Para você analisar uma empresa o que você vai precisar é de uma projeção financeira de faturamento e de lucro por pelo menos 5 anos. 

Com base nesta projeção você determina quanto essa empresa vale, de acordo com a sua capacidade de trazer retorno para os possíveis sócios.

Simples, correto? Errado. Comprar uma empresa ou investir nela é uma ação por si só arriscada, e por isso se utiliza na análise desse método valuation uma taxa de desconto, e esta taxa tende a variar bastante, a depender do tamanho da empresa, do tempo de mercado,  das características, mas geralmente ela varia entre 28% e 50%.

É um método utilizado por pequenas, médias e grandes empresas.

Múltiplos de mercado

O método múltiplos de mercado utiliza uma análise comparativa de dados financeiros de empresa com características similares, sobretudo em questões como o tamanho da empresa e o segmento que ela atua no mercado.

O que o método indica é que empresas semelhantes podem e devem ser avaliadas a preços semelhantes.

Geralmente o valuation por múltiplos utiliza ou o faturamento anual ou o lucro líquido anual para calcular o seu valor de mercado. 

Método de precificação venture capital

Diferente do método anterior, que analisa o lucro presumido que a empresa terá pelos próximos anos, neste método, que é muito usado por startups, se mensura por qual valor a empresa poderia ser comprada no futuro. 

Algumas empresas não costumam apresentar lucro nos primeiros anos, pelo fato de normalmente elas reinvestirem tudo que sobra do caixa para conseguirem crescer cada vez mais. 

Isso não significa que a empresa não vale nada se ela não gera lucros anuais. Por isso a metodologia mais adequada para analisar uma empresa assim é mensurar o resultado que a empresa pode atingir daqui a alguns anos, por qual valor ela poderia ser comprada e trazer este valor da compra para o presente utilizando uma taxa de desconto, assim como no método FCD. 

Essa é uma técnica muito usada por fundos de investimentos antes de investirem em startups.

Exemplo prático para calcular a valuation


Para se calcular na prática o valor de uma empresa, nós vamos tomar como método base o FCD, que é a técnica mais utilizada no Brasil para se avaliar o valor de um negócio.

É preciso alguns dados fundamentais:

  1. Fluxo de caixas previstos

  2. Taxa de desconto, que deve ter como base o risco do investidor

  3. Estimação do crescimento esperado

Sobre o fluxo de caixa, é necessário o uso das premissas, que são a base sobre as quais as projeções serão feitas. Podemos usar como premissas:

  • Produtos que serão vendidos
  • Região atendida pela empresa
  • No futuro outros produtos serão oferecidos
  • Canais de vendas que serão utilizados


O segundo passo é o mais complexo e recai sobre a taxa de desconto, que deve ser calculada com o uso de algum parâmetro real. A taxa é necessária por representar a desvalorização do dinheiro ao longo dos anos.

Por fim, a taxa de crescimento, que tem uma importância ímpar para startups, que se preocupam com a sua capacidade de aumentar seu faturamento, sem aumentar seus custos na mesma proporção.

Conclusão

Entender os métodos que podemos utilizar para avaliar o valor de sua empresa é uma necessidade para qualquer empreendedor que deseje crescer com o seu negócio.

O valuation é necessário para atrair investimentos, novos sócios e para gerenciar de uma maneira mais eficaz a sua empresa, entendendo o que ela precisa para crescer, escalar e ganhar mercado.

E você, já pensou em fazer o valuation de seu negócio?

Compreende a necessidade de entender o quanto o valor de mercado que a sua empresa possui pode ser fundamental para o futuro dela?

Acesse nosso blog e confira outros conteúdos como este.

Compartilhe:

Posts Relacionados

Ver Categoria >