Whatsapp Icone
Fechar     X
  • Maringá - PR: (44) 3029 1162
  • Dourados - MS: (67) 3033 8862
  • FacebookLinkedInYouTubeInstagram
    Newsletter
    Agronegócio
    7minutos de leitura

    O que é agronegócio? Tudo que você precisa saber sobre este setor !

    Foto do autor
    Autor Trecsson

    Qualquer brasileiro minimamente bem informado nesses últimos anos deve ter visto a palavra Agronegócio sendo inserida em alguma matéria jornalística sobre economia. Uma das grandes responsáveis pelo aumento da oferta de empregos no Brasil, esse setor de atividade econômica vive bons dias, mesmo em um contexto ainda não tão bom para a economia mundial. 

    Entender o que é Agronegócio, se faz importante para a compreensão de como o Brasil possui uma capacidade muito grande de crescimento no cenário internacional. Dentro do ponto de vista empresarial, conhecer essa área se faz necessário para ganhar mais uma opção, das mais rentáveis, de negócio.

    Esse artigo vai te apresentar o que significa agronegócio, as características no universo do Agronegócio no Brasil e irá distinguir a palavra propriamente dita de outra comumente usada, a agricultura. Qual a diferença entre as duas?

    Por fim veremos as profissões ligadas ao Agronegócio além das tecnologias que envolvem esta área que é uma das maiores responsáveis pelo crescimento do país no mercado internacional e que representa uma grande fatia das exportações nacionais.

    Desenvolver uma boa gestão dentro do Agronegócio acaba por separar as grandes e bem-sucedidas empresas das demais. Por isso, oferecemos um complemento para esta leitura, sobre a importância da gestão no Agronegócio

    O que é Agronegócio?


    Agronegócio significa um conjunto de atividades, sejam elas diretas ou indiretas, que envolvem a agricultura e a pecuária. Estamos falando aqui de toda uma cadeia produtiva que está por trás destas áreas, sendo o Agronegócio um grande conjunto de atividades que envolvem o setor primário, em conjunto com as atividades do setor secundário – a indústria – e com as atividades do setor terciário – o comércio.

    Para entendermos melhor: imagina o saco de arroz vendido no mercado. Para este saco estar ali ele passou por diversas etapas de produção, e o Agronegócio representa essas atividades que fazem a semente de arroz ser transformada em um item comercial de mercado oferecido para os consumidores mundo afora. 

    Agronegócio x Agricultura 


    Enquanto que o termo Agricultura nasce para designar o setor produtivo baseado na atividade rural, sendo definido formalmente como a arte de cultivar os campos, cultivar as terras, o Agronegócio tem a sua definição apresentada pela primeira vez em 1957, pelos professores americanos Davis e Goldberg, apresentam o termo como o conjunto de empresas que fazem a produção de insumos (agrícolas), e que também fazem o processamento e toda a distribuição.

    Ou seja, o Agronegócio expande por completo a atividade meramente agrícola, o "dentro da fazenda", para atividades complementares, para tudo que envolve a fazenda. 

    Agentes do Agronegócio 

    São exemplos de agentes do Agronegócio:

    • Fornecedores de insumos (fertilizantes, adubos, sementes, vacinas - para animais - além de maquinário como tratores pulverizadores e moendas);

    • Distribuidores;

    • Cooperativas;

    • Produtores rurais;

    • Tradings (empresas especializadas em commodities agrícolas, que compra e vende, e origina); 

    • Agroindústria;

    • Indústrias de alimentos;

    • Varejo;

    • Food service (Todos os prestadores de serviços alimentícios como restaurantes, bares, Food trucks, etc);

    • Consumidores finais.


    As profissões do futuro no Agronegócio 



    Agora que você já sabe o que é agronegócio, está na hora de conhecer o mercado de oportunidades para o profissional que deseja ingressar nessa área. O agronegócio vem criando novas e promissoras áreas de trabalho, além de fomentar novas profissões para o mercado de trabalho. 

    São exemplos de profissões promissoras para esta área:

    • Técnico em Agricultura Digital (agricultura digital tem como base o uso de tecnologias de ponta, com o objetivo de promover vantagens competitivas e benefícios socioambientais);

    • Designer de máquinas agrícolas (trabalho de design de equipamentos para indústria agrícola, onde o profissional trabalha a ergonomia e segurança de máquinas agrícolas através do uso de novas tecnologias para o processo de fabricação);

    • Agricultor Urbano (O profissional tem como principal responsabilidade pensar e esquematizar novas formas de incluir a produção alimentícia, no caso do plantio);

    • Cientista de dados agrícolas (O cientista precisa ter conhecimento do mercado agrícola, de softwares, de plantio e de geoprocessamento).

    Há ainda as profissões já consolidadas, que ganham cada vez mais importância no atual contexto, onde o Agronegócio já atende por uma boa parcela do PIB do país, além de ser a área que vem empregando milhões de brasileiros.

    Essas profissões são:

    • Agrônomo (O Engenheiro Agrônomo basicamente é o profissional diplomado responsável por estudar, definir e aplicar as melhores técnicas para aprimorar a produtividade do setor agropecuário);

    • Médico Veterinário (De importância ímpar, o veterinário é responsável por manter a saúde dos animais, oferecendo assistência clínica e cirúrgica, além de ações de saúde e de prevenção de doenças);

    • Zootecnista (É o profissional – atuante em toda cadeia produtiva animal - responsável pelo aumento e melhoria da produção e da qualidade dos produtos e serviços de origem animal, garantindo a segurança alimentar);

    Áreas promissoras do Agronegócio 

    Já as áreas mais promissoras deste setor merecem destaque por indicar tendências para o futuro do agronegócio brasileiro.

    • A Indústria de alimentos (as empresas que produzem alimentos em instalações industriais no Brasil). Com a população mundial em constante crescimento, nem precisamos falar o quão estratégico e importante, é esta área para o Agronegócio. Assim, esta é uma área promissora para Engenheiros Agrônomos;

    • Administração rural. Muitas fazendas Brasil afora ainda não são tratadas como empresas e por conta disso elas passam por dificuldades naturais de gestão e de administração.  Assim, é uma área que necessita de qualificação profissional, sobretudo de pessoas que entendam do campo e de agronegócio;

    • Engenharia rural. Área que lida com a parte agrícola, irrigação, drenagem, estradas rurais, construções rurais, mecânica de solos, e algumas outras áreas.

     

    As tecnologias que mais impactam o Agronegócio